quinta-feira, 6 de maio de 2021

OUTONAL

Entre o azul e a névoa que envolve o amanhecer de outono, vejo um sol tímido, límpido, brilhante. Sua luz rasga as nuvens, abrindo passagem entre a neblina densa e fria. O calor aquece e desfaz pouco a pouco o véu que escondia os segredos do amanhecer. Ao longe, se vê um céu desenhado, de um azul celestial, que me envolve como o amor Divino, me acolhendo em seu colo Paternal.

Meus olhos se fecham para sentir somente o vento, que chega a mim, como uma prece de gratidão. Elevo meu coração, minha mente, minha alma, e apenas entrego nas mãos do Criador.

Não espero por respostas, não busco por milagres, apenas entrego, me esvaziando dos pesos, das dores, das incertezas e angustias que residem no meu ser .Por hoje, me basta a entrega, o calor do sol ainda tímido, me dizendo que não estou só. Que se esconde vida, sonho, força, esperança, entre cada nuvem cinza, que vem colorindo meu céu de outono.

E, sei bem, que o entardecer trará um novo céu, misterioso, cheio de tons indescritíveis,  de nuvens que brincam de esconder e revelar o que resta de luz outonal, as vezes brilhante, outras, opaca, quase imperceptível ...mas sei que continua lá.

 

20 comentários:

  1. Sublime publicação. Obrigada pela sua partilha! :)
    .
    O pouso da ousadia...
    .
    Beijos
    Uma excelente tarde!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Cidália!
      Me perdoe a ausência em seu blog.
      Me afastei de todos...
      Abraços, que Deus abençoe você sempre 🌷

      Excluir
  2. Hola Edna que gusto leerte en esta magnifica publicación, deseo te encuentres bien

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jorge!
      Muito obrigada pelo carinho. Fico feliz por você gostar do que escrevo.
      Perdoe minha ausência em seu blog, estou com meu filho doente...

      Abraços, que Deus cuide de ti.

      Excluir
  3. Sempre belas tuas inspirações, dessa vez outonais! beijos, linmdo fds! chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo carinho!
      Fico feliz por você ter gostado.

      Me perdoe a ausência em seu blog, meu filho continua doente...
      Beijos, que Deus cuide de ti 🌹

      Excluir
  4. Edna,

    Maravilhoso texto! :)

    Um grande exemplo de como viver de verdade o momento presente pode ser libertador.

    Simplicidade e Harmonia

    ResponderExcluir
  5. Obrigada pelo carinho!
    Fico feliz por saber que você gostou.

    Quem dera conseguisse viver somente o presente...mas tenho tentado.

    Me perdoe a ausência em seu blog.
    Estou com um filho doente desde novembro... Meses bem duros...

    Beijos, que Deus cuide de ti 🌹🌷

    ResponderExcluir
  6. Edna, querida!

    Uma postagem tão linda, tão suave. Saber se entregar, calar e não esperar respostas, ainda que tenha tantas dúvidas dentro de si.
    Ao menos por um momento é importante saber se esvaziar dos pesos diários e parar um pouquinho para contemplar o céu.

    Beijos amiga

    ResponderExcluir
  7. Obrigada querida Sônia!
    Fico muito feliz por você ter gostado. Significa muito para mim.
    Beijos, Deus cuide sempre de ti 🌹

    ResponderExcluir
  8. Olá querida Edna, você sempre consegue colocar nas palavras o que sentimos. É uma leitura tão agradável, tão tocante. Sua sensibilidade sempre me dá as mãos, obrigada, bjs outonais

    ResponderExcluir
  9. Olá Andréa!
    Obrigada pelo carinho.
    Fico muito feliz por ter você aqui, e mais feliz por você gostar do que escrevo.
    Beijos, Deus cuide de ti 🌹

    ResponderExcluir
  10. Boa noite querida amiga.
    Linda sua escrita do coração.
    Peço que Deus abençoe sua vida e do seu filho. Confia!🙏🏻🌹😘

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada querida amiga!
      Que Deus abençoe você e sua família também!
      😙😙🌹

      Excluir
  11. Olá Edna. Perdoe pela minha ausência no seu blog. Vim aqui pra conferir seus posts hoje, dei uma rastreada pelos poemas lindos como sempre.

    Impressionante como seus escritos mantém a mesma qualidade e coesão de sempre. Admiro muito sua forma de escrever, você sabe bem né?

    Vida longa ao Outono e que Deus lhe dê sabedoria para sempre escrever com essa perfeição!!

    ResponderExcluir
  12. Olá Josemar!
    Não tem que se desculpar. Te entendo perfeitamente.

    Fico feliz por saber que gosta do que escrevo e de como escrevo.
    Também gosto muito dos seus comentários e sinto falta deles por aqui, rsrs.

    Obrigada pela carinho.
    Que Deus cuide de ti sempre!

    ResponderExcluir